"Me sinto só. Mas quem é que nunca se sentiu assim?"

Nos últimos meses, estou me sentindo sufocada. Passo praticamente o dia todo sem falar com amigos. Isso está simplesmente me levando a loucura. Às vezes telefono pra alguém, mando um e-mail, pra descontrair, falar com alguém. Preciso ver gente diferente, preciso abrir minha mente.

Não que não tenha pessoas onde eu trabalho. Pois tem. Mas não posso expor todas as minhas opiniões para elas tal qual para outras. Elas não querem crescer, não possuem essa ambição, exercem suas funções e pretendem fazer isso até a vida não mais as permitir. Eu quero alguém que me entenda. Que queira crescer. Que concorde comigo quando eu achar que alguém agiu errado, mas que também me dê um tapa na cara quando a errada fui eu.
Alguém que diga "você devia tentar, você consegue", ou "Danny, você tá onde você deveria estar, sossega!".

Esse feriado me ajudou a repensar sobre o que eu quero. Sobre pra onde quero crescer e do por que estudei o que estudei.
Estes últimos quatro dias me fez me sentir eu novamente. Sem me estressar com notas fiscais, com serviços incompletos, sobre processos de segurança alimentar, sobre custos, sobre tudo. Eu estou exausta de estar só, estou exausta de não compartilhar minhas opiniões diárias, meus medos, minhas angústias, mas minhas alegrias, minhas piadas, meu horário de almoço. E isso me faz tão mal. 

Quero tirar um dia e passar o dia todo sentada neste banco da imagem. Preciso refazer meus planos, minhas metas. Nem tudo saiu como planejado, e acho q nunca sairá. Ninguém sabe onde vai começar a trabalhar, ou que vai se acidentar. Ninguém sabe em que cidade vai morar, ou em que rua vai se encontrar.

Eu estava quase me acomodando, mas isso não pode acontecer. Isso tiraria toda minha essência, não seria mais eu, me deixaria infeliz. 

Eu já não estava sendo eu, já não conseguia seguir minhas crenças e nem mesmo organizar minhas coisas. Já não conseguia fotografar, já não conseguia pensar grande.

A gente precisa correr atrás do que é nosso. Se não fizermos por nós mesmo, pode ter certeza que ninguém mais o fará.

Pois a felicidade, a "Felicidade é só questão de ser."

Comentários

  1. É verdade...a gente, e só a gente, pode fazer algo por nossa vida. E a gente vai fazer, né? =)

    Espero que seja um ano feliz para você, moça.

    um beijo

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Sobre um ano difícil, um ano pesado.

Por que namoramos?

Sobre as pessoas que nos cercam...